POLPA MOLDADA

POLPA MOLDADA
Polpa Moldada

sexta-feira, 25 de julho de 2014

ArcelorMittal aprova investimento no país


 http://polpatec.blogspot.com.br 
 http://come52671.wix.com/polpatec

arcelormittalO grupo ArcelorMittal, líder mundial na produção siderúrgica, tirou da gaveta parte do investimento projetado seis anos atrás para sua fábrica de aço longo situada em João Monlevade (MG). O objetivo era duplicar a capacidade de produção da usina, para 2,4 milhões de toneladas anuais, de forma a atender o então crescente mercado doméstico. Mas a crise global de 2008 e o desaquecimento do setor no segundo semestre de 2011 forçaram duas paralisações da obra, depois de investimentos de US$ 700 milhões, 45% do total orçado.
Há poucos dias, em reunião em Londres, o comitê executivo da ArcelorMittal aprovou uma versão mais modesta do empreendimento, em linha com a demanda atual de aço no Brasil, que está abaixo das expectativas dos fabricantes locais de aços longos.
O aporte aprovado, que soma R$ 352 milhões (US$ 166 milhões), foi anunciado ontem (6) e contempla três unidades siderúrgicas do grupo – duas em Minas Gerais (Monlevade e Juiz de Fora) e uma no Espírito Santo, em Cariacica.
Em Monlevade, que fica a 120 km de Belo Horizonte, será instalado um novo laminador de fio-máquina, previsto no projeto original. Esse produto é usado para fazer arames, pregos, grampos e outros itens e a capacidade de laminação do equipamento será de 1 milhão de toneladas por ano.
Para abastecer essa unidade de laminação, o investimento inclui o aumento da produção de aço bruto (tarugos) das siderúrgicas da empresa em Juiz de Fora e Cariacica, em 200 mil toneladas cada uma, decorrente de uma otimização nas instalações de aciaria. A usina mineira hoje faz 1 milhão de toneladas anuais e a capixaba, 400 mil toneladas. A produção excedente de tarugos será a fonte de suprimento de Monlevade, pelo menos até o fim de 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário